Museu recebeu importante doação

O acervo do Museu Histórico de Pará de Minas foi enriquecido com duas telas de autoria do pintor russo Dimitri Ismailovitch, retratando o ilustre conterrâneo Benedito Valadares e esposa Odete Valadares. Datadas de 1942, quando Benedito era governador de MG, as telas emolduradas foram doadas em 16 de maio último (2011) por Lúcia Valadares Pádua, filha de Benedito Valadares e D. Odete. A diretora do Museu, Ana Maria Campos, buscou as obras no Rio de Janeiro, residência de Lúcia Valadares. Levou uma carta do Prefeito Zezé Porfírio, Vice Eugênio Mansur e da Secretária de Cultura Maiza Lage, cumprimentando a conterrânea doadora, e ainda vários produtos da Coopará para presenteá-la. Lóren Carneiro Lima, funcionária que acompanhou a diretora, fez a entrega do presente da Secretaria Municipal de Cultura, confeccionado por alunos da Escola Municipal de Artes.
Agradecemos a Alcides Nilton Almeida pelos produtos da Coopará que foram ofertados. 
Na reabertura do Museu, após a conclusão das obras de reforma no telhado, os quadros serão expostos à visitação pública.

O autor das telas, Dimitri Ismailovitch, nasceu em Kiev (Rússia), em 1892. Fez seus primeiros estudos de pintura com Zinoviev, Seleznev, Dimitriev e Kantaski, na primeira década do século XX na Escola de Belas Artes da Ucrânia. Completou seus estudos em Istambul, onde viveu por sete anos, dedicando-se às artes bizantina e persa. Permaneceu seis meses nos Estados Unidos depois de ter passado por Londres e Atenas, onde a convite do governo executou vários trabalhos e realizou algumas exposições. Em 1927 chegou ao Brasil onde fixou residência. Notabilizou-se como retratista. Faleceu no Rio de Janeiro em 1976.

(Fontes: http://www6.ufrgs.br/acervoartes/modules/wiwimod/index.php?page=ISMAILOVITCH,+Dimitri; http://www.itaucultural.org.br)

                 

   

  

 

 Postado em 11.06.2011