Museu Histórico apresenta: “Relíquias da Irmandade dos Nonatos – Tradição e Fé”

História centenária da manifestação popular de sincretismo religioso em Pará de Minas começa nesta quarta-feira.

Nesta quarta-feira, 06 de junho, às 20 horas, o Museu Histórico de Pará de Minas – Muspam, inaugura a exposição “Relíquias da Irmandade dos Nonatos – Tradição e Fé”.

A mostra vem para divulgar e valorizar a história do Grupo Folclórico Os Nonatos, contando a sua formação desde a época da escravatura e com uma expressão religiosa fortíssima em nosso município. “Eles são bastante envolvidos com a história dessa manifestação popular de sincretismo religioso. É o grupo mais antigo de Pará de Minas. Tamanha é a união deles, que acabaram se tornando uma irmandade há pouco tempo”, contou Ana Maria Campos, Gerente do Muspam.

Vinícius Conrado, é um dos integrantes da Irmandade dos Nonatos, e contou que a forma mais rica que a irmandade encontrou para mostrar à sociedade pará-minense a sua a história foi por meio da exposição no Muspam. “A Irmandade é centenária e possui muita história com os escravos. A exposição mostrará muitas coisas que jovens de hoje não têm conhecimento, e terão a oportunidade de conhecer” disse Vinícius.

A Irmandade dos Nonatos é composta por várias denominações do reinado como moçambique, candombe, jongo e congo. Na abertura será feita uma apresentação de moçambique e todos poderão apreciar a beleza da tradicional expressão religiosa do grupo.

 

(Texto de Caroline Ávila - assessora de comunicação da Prefeitura de Pará de Minas)

 

29.05.2018.