Memória de Benedito Valadares é destacada nas comemorações do 70º aniversário do Museu Abílio Barreto, em BH

Na cerimônia comemorativa aos 70 anos do Museu Histórico Abílio Barreto, realizada  em 17 de abril, no auditório do próprio museu, em Belo Horizonte, a memória de Benedito Valadares foi destacada pela valiosa contribuição do político pará-minense à instituição. Benedito Valadares, governador à época da fundação do museu, participou ativamente de sua fundação, ao lado do então prefeito da Capital, Juscelino Kubitschek, e de outras personalidades.

Ana Maria Campos, gerente do Museu Histórico de Pará de Minas, representou a família na cerimônia, a pedido de Lúcia Valadares, filha de Benedito Valadares e recebeu placa de honra, destacando o papel do ex-governador na história do MHAB. Os fundadores do Museu e pessoas que atuaram na sua formação também foram homenageadas com placas. A peça entregue a Ana Maria Campos já foi doada ao Muspam por Lúcia Valadares, passando a incorporar o importante acervo referente ao político.

Participaram do evento o prefeito de Belo Horizonte, Márcio Lacerda, a secretária executiva do Ministério da Cultura, Jeanine Pires, o superintendente de Museus de Minas Gerais, Leonardo Bahia, a diretora do Museu, Célia Regina Araújo Alves e o presidente da Fundação Municipal de Cultura, Leônidas Oliveira, além de empresários, lideranças políticas e representantes da área cultural.