Museu Histórico de Pará de Minas

Entrega da restauração do1º livro ata da Câmara de Vereadores de Pará de Minas

entrega_livro_ata


              A Câmara de Vereadores de Pará de Minas viabilizou no ano do Sesquicentenário de emancipação político-administrativa do Município, a restauração do seu primeiro Livro Ata. O trabalho foi executado por Blanche Thais Porto de Matos, do Ateliê Marca d'Água (Belo Horizonte/MG), com aplicação de técnicas que seguem as normas e critérios de restauração vigentes internacionalmente. Técnica apurada, história da arte, química, ética e talento, unem-se à teoria do restauro para proporcionar os mais satisfatórios resultados profissionais.
             O livro, que estava em lamentável estado de conservação, foi salvo do incêndio ocorrido no prédio da Câmara do Pará em 1923. As marcas do triste episódio ficaram na capa, nas folhas ressecadas, com bordas escurecidas pelo fogo. Com a passagem do tempo, as folhas quebradiças foram soltando-se da lombada, desordenando-se, deteriorando-se, e a importante documentação teve que ser recolhida dos olhares investigativos e curiosos, evitando-se a perda total.
            O primeiro registro desse livro é a ata de instalação da Vila do Pará, em 20 de setembro de 1859, seguido das primeiras iniciativas da Câmara de Vereadores do recém criado município. O último registro é a ata da sessão da Câmara do dia 10 de janeiro de 1863.
           O Presidente da Câmara, Geraldo da Silva Sabino, ao ver a situação do relevante documento, atendeu à solicitação do Museu Histórico, com total aprovação dos outros vereadores, e promoveu a restauração da preciosa documentação. O contrato para os trabalhos foi assinado em 21 de agosto e, após 4 meses, em 18 de dezembro de 2009, a restauradora responsável pelo serviço, Blanche Thais Porto de Matos, fez a entrega oficial do livro ao Presidente Geraldo da Silva Sabino, que o repassou para a guarda do Museu Histórico, entregando-o à diretora Ana Maria Campos, durante cerimônia na Câmara Municipal.
           Estiveram presentes nessa cerimônia, o Prefeito Zezé Porfírio, o Vice-Prefeito Eugênio Mansur, a Secretária da Cultura Maiza Lage, a Diretora do Museu Ana Maria Campos, os vereadores Marcílio Magela de Souza, Silvério Severino, Renato Almeida, Vilson José dos Santos, vereador eleito presidente para a gestão 2010 da Câmara, a Presidente do Conselho do Patrimônio Municipal, Nanci Teixeira, Délio Alves, representando o Deputado Inácio Franco, representantes da imprensa (rádios, jornais e TV), e muitos outros interessados na recuperação do valioso livro.
A Câmara de Pará de Minas, com esse ato exemplar promovido pelo seu presidente, dá mostras da valorização da história e da memória, conhecimentos que nos dão segurança de pertencimento a essa terra querida e a esse povo amável, além de proporcionar o acesso à herança cultural para entendermos a formação do nosso território, da sociedade a que pertencemos.
          O gesto do Presidente Geraldo Sabino, representando todos os vereadores, além de seguir a Constituição Brasileira, artigo 23, que se refere à proteção de documentos, também promoveu o enriquecimento do patrimônio cultural de Pará de Minas, legado da história de nossa terra sesquicentenária. Tão valioso patrimônio será pesquisado e preservado pelo Museu Histórico para as futuras gerações.

Clique aqui e veja as fotos

 

Lançamento do Hino do Sesquicentenário de Pará de Minas

              Autoridades, público numeroso, todos entusismados e participativos para o lançamento do Hino do Sesquicentenário, na noite do "Parabéns, Pará de Minas!" , promoção do Museu Histórico com o Coral Nossa Senhora da Piedade e Secretaria Municipal da Cultura, em 20 de outubro de 2009.
             As músicas interpretadas pelo Coral, enaltecendo Pará de Minas, foram compostas por autores da terra e encantaram a todos. A apresentação do Hino do Sesquicentenário de Pará de Minas, autoria da maestrina do Coral, Dalva Frágula, e Júlio Saldanha, também integrante do Coral, foi o ápice da noite. 
“Causos” do Pará, contados pelas integrantes do grupo de Teatro Serenidade, cuja diretora é Isabel Faria, intercalaram as músicas proporcionando momentos hilários. Uma das surpresas foi a entrada da Rainha do Centenário, senhora Nívea Mendes Pinto, usando a faixa e a coroa com as quais foi coroada em 1959, causando admiração pela elegância e beleza serena ostentadas. A outra surpresa, foi a entrada do bolo de aniversário dos 150 anos de Pará de Minas, confeccionado em quatro andares decorados com a bandeira do Município, o selo dos 150 anos, a pauta do Hino do Sesquicentenário, entre outros ornatos. O bolo foi confeccionado por Ivânia Rezende. O Coral Nossa Senhora da Piedade proporcionou a Pará de Minas uma noite encantadora e mágica!

Clique aqui e veja as fotos

Museu de cara nova

noticia_reforma_museu

As comemorações dos 150 anos de Pará de Minas serviram de inspiração para reavivar o prédio do Museu Histórico. Há 11 anos sem passar por uma reforma, a área física da instituição foi revitalizada. Na área externa, o tradicional tom marfim das paredes cedeu lugar para o verde kiwi e novas plantas foram introduzidas para transformar os canteiros em belos jardins. Dentro do museu, foram realizadas reformas no forro de palhinha, portas, janelas, rodapés, sanitários e a pintura das paredes.
Ao término das obras, as salas receberam peças e registros da memória da cidade para a exposição comemorativa desse momento histórico. A exposição "Pará de Minas, 150 anos. Uma trajetória de fé e trabalho da nossa gente" foi aberta em 25 de novembro de 2009, durante a inauguração das obras de reforma e revitalização do prédio. A mostra reune imagens, documentos textuais e objetos da evolução histórica de Pará de Minas nos 150 anos de sua emancipação político-administrativa.Simultaneamente, celebra a instituição da memória municipal, que também comemorou os 25 anos de atividades. A exposição visou:
- fazer um resgate histórico e cultural do Município e da instituição museal, divulgando maior conhecimento em relação à memória do Pará;
- comemorar o Sesquicentenário do Município e o Jubileu de Prata do Museu Histórico;
- levar a comunidade a conhecer e refletir sobre a trajetória histórica da formação e desenvolvimento do Município, valorizando os feitos dos antepassados;
- despertar a comunidade sobre a necessidade de se preservar os testemunhos materiais da história comunitária;
- despertar a reflexão sobre o futuro que almejam para Pará de Minas e sobre a herança cultural que pode ser legada à posteridade;
- valorizar o trabalho e a função social do Museu.

Um movie maker, gentil produção de Alaércio Delfino, com imagens antigas de Pará de Minas, embaladas por sensível e belo texto de Rita Carvalho narrado por Myrtes Pereira e músicas que autores da terra fizeram para a cidade, complementa a exposição, assim como o VT mostrando a cidade atualmente, sua economia, educação, cultura, enfim, mostrando o patrimônio construído por gerações e que foi legado a nós; patrimônio que deve ser conservado e ampliado.

Clique e veja as fotos

Ações Culturais

 - Monitoria de turmas: Grupos agendados são guiados pelas dependências do Muspam. As informações sobre a exposição em cartaz, peças do acervo, história institucional, são repassadas para os grupos. Requer agendamento prévio.
 


- Monitoria especial/Memorial Benedito Valadares: Grupos agendados são guiados recebendo informações sobre a vida e obra de Valadares, ícone da política de Pará de Minas, tendo se destacado em Minas Gerais e no Brasil. Requer agendamento prévio.


- Recordação da visita ao Muspam: Registro fotográfico dos grupos visitantes, seja ele escolar ou não, visando maior aproximação do Museu com o público das turmas agendadas. As fotos são disponibilizadas na Galeria de Imagens.

veja_as_fotos


- Conheça o Muspam: Grupo de professores são guiados pelas dependências do Museu conhecendo o acervo institucional e descobrindo a potencialidade educacional/cultural da entidade, que poderá ser explorado em aula/pesquisa/visita/atividades. Parceria com a Superintendência Regional de Ensino e Secretaria Municipal de Educação.


_____________________________________________________________________________________________________________

- Ações Educativas: Projetos Educativos desenvolvidos em parceria com a Secretaria Municipal de Educação e Superintendência Regional de Ensino envolvendo todas as escolas do Município.       

                                           AÇÃO EDUCATIVA 2013 

 O Muspam nas Escolas do Campo de Pará de Minas: a abertura da ação educativa ocorreu na manhã da quarta-feira, 17 de abril, com cerimônia especial realizada na Casa da Cultura, devido as obras de reforma do prédio do Museu ainda não estarem concluídas. O Projeto foi apresentado às autoridades, educadoras, alunos e imprensa que prestigiaram o evento. A ação abrangerá os alunos do Ensino Fundamental do 4º ao 9º ano e alunos do Ensino Médio, levando o aluno do campo a reconhecer-se como sujeito histórico construtor da história do nosso Município, Estado, País, em sua grandiosidade econômica e cultural. Suas tradições e o trabalho nas lavouras desde os tempos da colônia são parte integrante desta história. Suas raízes culturais enfocadas e valorizadas, despertarão nele o orgulho de ser cidadão campesino.
O Projeto "O Muspam nas Escolas do Campo de Pará de Minas", objetiva:
 - Fortalecer a relação do Museu com as escolas do Município;
 - Contribuir para a valorização e o reconhecimento da identidade histórica do cidadão do campo de Pará de Minas.
 - Valorizar a formação histórica da comunidade e promover a inclusão do cidadão do campo na construção da história de Pará de Minas, despertando nele o sentimento de
pertencimento a esta história, fortalecendo a identidade do grupo.
 -Valorizar o território rural e suas tradições, levando o cidadão do campo a compreender e a expressar as peculiaridades e o valor das tradições da vida no campo.
Com este Projeto o Museu chega à zona rural de Pará de Minas e cumpre seu objetivo de promover a  valorização e  a preservação da memória histórica do Município.
              Esta Ação Educativa possui o apoio da Secretaria Municipal de Educação, Superintendência Regional de Ensino, Secretaria Municipal da Cultura, e conta ainda com o apoio da empresa MM Comunicação, que gentilmente criou a logomarca do projeto e o banner.

Saiba mais...

                                             

                                    AÇÕES EDUCATIVAS 2012


O Museu visita a sua Escola: o projeto desenvolvido no ano anterior foi ampliado para os alunos dos cursos noturnos das escolas da zona rural do município de Pará de Minas. Com o projeto, o Muspam pretende levar aos alunos das comunidades rurais de Pará de Minas os conhecimentos sobre suas raízes identitárias, história da localidade, despertando a valorização do patrimônio comunitário a ser preservado. Assim, a Educação Patrimonial nas escolas públicas de ensino noturno da zona rural de Pará de Minas será trabalhada; a parceria entre Educação e Cultura na formação de  cidadãos guardiões do patrimônio histórico cultural será fortalecida; a cultura e o conhecimento dos alunos das escolas rurais serão ampliados; a universalização e democratização da cultura será acessível; a importância da preservação e valorização do patrimônio comunitário serão destacados. O projeto estendeu-se também para os alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental da rede escolar do município de Pará de Minas.
          A primeira escola a ser visitada foi a Escola Estadual Joaquim Luiz Gonzaga, distrito de Ascensão, turma do 1º ano do Ensino Médio, na noite de 14 de março.

 

 Coleções e Memória. O primeiro momento dessa ação educativa foi uma oficina com as especialistas das escolas do município. A Oficina para Educadores aconteceu em 10 de agosto e objetivou capacitar os professores para a Ação Educativa Coleções e Memória, destinada à Educação Infantil e às séries iniciais do Ensino Fundamental (1º ao 5º ano), da rede escolar estadual, municipal e particular do município de Pará de Minas. A oficina foi ministrada por Lóren Graziele Carneiro Lima, coordenadora do setor educativo do Muspam. Esta ação educativa possue a imprescindível parceria da Superintendência Regional de Ensino, Secretaria Municipal de Educação, Secretaria Municipal de Cultura e escolas particulares. O Muspam utiliza as ações educativas como uma das formas de alcançar seus objetivos de promover a valorização e preservação do patrimônio cultural e da memória histórica de Pará de Minas; promover a educação, acesso à cultura, socialização, prática de cidadania. O Projeto Coleções e Memória trabalhará a memória histórica por meio do idoso, cidadão guardião da história em última instância. A ação proposta proporcionará reflexões que poderão ser realizadas a partir de documentos, fotografias, réplicas de objetos que pertenceram a um “vovô” de Pará de Minas. Um vovô que guardou coisas para ele preciosas e significantes em sua história. Recorrendo à história deste “vovô”, a criança poderá reconstruir parte da história de Pará de Minas.
        Com esta ação educativa, o Muspam, trilhando caminhos para a construção da cidadania, enfatiza o idoso como cidadão com muitas experiências para compartilhar, merecedor de respeito e admiração, portador de importantes informações que contribuem para a preservação da memória histórica de Pará de Minas. Ao final da Oficina para Educadores, um "baú do vovô", material pedagógico preparado pelo Muspam, foi entregue às escolas.

                                      AÇÕES EDUCATIVAS 2011                                                                                  

O Museu Convida A Sua Escola. Trabalhar junto à comunidade escolar noturna a valorização do patrimônio de Pará de Minas e a herança cultural legada pelos antepassados levou a equipe do Museu Histórico a desenvolver o Projeto O Museu Convida A Sua Escola. Os alunos do ensino noturno das escolas públicas de Pará de Minas terão a oportunidade de acesso ao Museu em horários alternados à jornada de trabalho. Semanalmente, sempre às quartas-feiras, uma escola é convidada a levar seus alunos dos cursos noturnos à uma visita especial ao Museu. Assim, os alunos do Ensino Regular, Projovem, Alfabetização de Jovens e Adultos, Telecurso, Proeja e Eja têm oportunidades iguais. Nesta Ação Educativa, o Museu Histórico de Pará de Minas promove a cultura, lazer, conhecimento e valorização do patrimônio cultural entre os alunos que, muitas vezes são impossibilitados de o visitarem em decorrência do horário de trabalho e das obrigações escolares e familiares. Finalizando a visita ao Museu, os alunos têm a oportunidade de assistir a um documentário com tema pertinente à educação, podendo realizar debate alusivo ao conteúdo colocado em pauta.
               Com o Projeto O Museu Convida A Sua Escola, o Muspam promove a oportunidade para que os alunos das escolas noturnas do Município conheçam a casa da memória histórica da cidade,  proporcionando cultura, lazer e conhecimento; estreita as relações com a comunidade escolar; contribui com a universalização da cultura. A primeira escola convidada foi a E.E. Angela Maria de Oliveira, cuja visita dos alunos do 3º ano do Ensino Médio inaugurou o projeto, em 23 de março de 2011.

Com as obras de reformas no telhado do prédio do Museu iniciadas em 02 de maio de 2011, as exposições foram desmontadas ficando adiadas todas as visitas ao prédio. Para não ser interrompido o trabalho com as escolas noturnas, a ação educativa  foi adaptada transformando-se no Projeto O Museu Visita A Sua Escola. Agora, são funcionárias do Museu que visitam as escolas agendadas, divulgando a importância da preservação da memória histórica. Levam uma parte do acervo do Museu que será enfocado durante a visita. A primeira escola visitada foi a Casa da Esperança, no Bairro Grão Pará, turma de alfabetização de adultos, na noite de 25 de maio.

 Encantando-se com o Moleque Beijo - Benjamim de Oliveira, Patrimônio de Pará de Minas é outra ação educativa e cultural de 2011, cujo primeiro momento aconteceu em 10 de junho com uma oficina para as especialistas das escolas estaduais, municipais e particulares do Município. A oficina do projeto “Encantando-se com o Moleque Beijo – Benjamim de Oliveira, Patrimônio de Pará de Minas”, foi aplicada por Lóren Graziela Carneiro Lima, responsável pelo setor educativo do Muspam. 
             Esta ação educativa e cultural, que possui o apoio imprescindível da Superintendência Regional de Ensino, da Secretaria Municipal de Educação, e da Secretaria Municipal da Cultura, envolverá a educação infantil e as séries iniciais do ensino fundamental (1º ao 5º ano) das escolas estaduais, municipais e particulares do Município.  
             As educadoras especialistas foram instrumentalizadas a trabalhar com o tema do projeto e tiveram a oportunidade de conhecer mais o ilustre conterrâneo.  Benjamim de Oliveira faz parte da história de Pará de Minas e por algum motivo a história dele ficou oculta da população da cidade durante muito tempo. Diante da realidade difícil em tempos de escravidão, o menino negro Benjamim conseguiu construir um destino diferente de muitos que, pelo simples fato de serem negros estariam fadados ao fracasso por uma sociedade escravista. A história de Benjamim pode ser (re)contada como forma de resistência e luta a um sistema  opressor. O conhecimento e a divulgação da trajetória dele contribui para a construção de uma identidade negra positiva no ambiente escolar. 
              O projeto proposto pelo Muspam, além de resgatar a história de Benjamim de Oliveira, servirá também como uma ferramenta de trabalho para que as professoras possam aplicar a Lei Federal Nº 10.639/2003 e ainda contribuirá para a abordagem da história do circo em sala de aula, e da diversidade cultural nele presente. O circo traz consigo valores que são importantes para uma vida em sociedade como: respeito às diferenças, disciplina, solidariedade, confiança, destreza, sensibilidade, enfim, valores que podem ser enfocados, resgatados e trabalhados em sala de aula, espaço fundamental na construção da cidadania. 
              O Museu Histórico de Pará de Minas com suas ações educativas objetiva também trabalhar em prol de uma verdadeira cidadania, que é construída embasada na valorização e respeito à diversidade dos indivíduos e suas histórias.
              O material didático preparado pelo Muspam para ser utilizado pelas escolas foi apresentado às especialistas e entregues pelo Vice-Prefeito Eugênio Mansur e Secretária de Cultura Maiza Lage às primeiras escolas que trabalharão com ele. Vários cds com o livro digital de Ermínia Silva, "Circo-Teatro. Benjamim de Oliveira e a teatralidade circense no Brasil" foram sorteados entre as especialistas ao final da oficina. Apoio cultural: Horizonte Têxtil, MM Comunicação, Embapel Papelaria 

                                                                                          
 
 

                                       AÇÃO EDUCATIVA 2010

 Aqui Mora A Minha História.  A história de Pará de Minas está presente de diversas formas no cotidiano da comunidade através de construções, histórias orais, registros escritos, manifestações religiosas e culturais. Vestígios preciosos dessa história estão guardados no Museu e, de acordo com o ICOM (Conselho Internacional de Museus), o Museu está a serviço da sociedade e de seu desenvolvimento. É uma instituição aberta ao público, que adquire, conserva, pesquisa, divulga e expõe, para fins de estudo, educação e lazer, testemunhos materiais e imateriais dos povos e de seu ambiente. Dentro desse conceito, o Museu Histórico de Pará de Minas através de ações educativas busca trabalhar com a comunidade escolar. 
        Este ano a ação educativa será diferenciada, sendo trabalhada na sala de aula no primeiro instante. Abrangerá os alunos do 1º ao 5º ano das redes estadual, municipal e particular. A Ação Educativa Aqui Mora A Minha História será iniciada com um Encontro de Educadores no Museu no dia 12 de março de 2010.
        Com o apoio da Superintendência Regional de Ensino, Secretaria Municipal de Educação, Secretaria Municipal de Cultura, diretores e especialistas das escolas de Pará de Minas serão instrumentalizadas para desenvolverem o projeto em suas escolas. Ao final do encontro, o material pedagógico especialmente preparado para esta ação educativa será entregue a cada escola.
        A Embapel Papelaria também é parceira desse Encontro de Educadores no Museu, 1º momento da Ação Educativa Muspam 2010.

                                      

                               

 

Joomla extensions by Siteground Hosting